Bloqueio do Whatsapp e Afins Segurança & VPN

Primeiramente nós da Interatia somos TOTALMENTE contra a qualquer tipo de bloqueio (leia-se censura) de aplicativos que venham a impedir a livre comunicação entre as pessoas e igualmente a livre iniciativa de empreender e inovar. Segundo, o erro de alguns não justifica que todos paguem o pato. Em terceiro temos fortes razões para no mínimo desconfiar que isso tudo não passou de um teste (de dois dias) no qual o atual governo quer medir o seu poder de controle da rede e dos cidadãos brasileiros que a acessam.

Sendo o Whatsapp uma das principais ferramentas de comunicação da atualidade (principalmente no Brasil onde é bem popular) de fácil uso e instalada na maioria dos celulares do mundo esta ferramenta pode ser utilizada para organizar movimentos, passeatas e mobilizar as pessoas, bem como avisá-las sobre algo de errado enviando fotos, vídeos e áudio sobre diversas situações sendo uma grande ferramenta para ativismo seja qual for a sua causa.

Estamos no que pode ser uma nova onda de bloqueios e censuras (aplicativos mensageiros como Zello e redes sociais foram bloqueados na Venezuela por exemplo) onde acredito que seja só o começo espero não que não cheguemos em bloqueios no nível coreia do norte, lá o acesso à internet do mundo exterior (leia-se resto do planeta) é limitado a membros do governo e turistas.

Alguns vão dizer ahh mais eu posso usar o Telegram!!! Pense, este APP também pode ser a bola da vez e de acordo com a popularidade também ser alvo de bloqueios como o Zello que é mais popular na Venezuela foi bloqueado!!!

O restante da população acessa a "internet" que se limita a serviços, páginas e servidores controlados pelo governo. Lá existem clones de ferramentas mensageiras famosas, redes sociais, até uma distribuição Linux própria entretanto absolutamente TUDO tem os olhos do governo.

A censura não é novidade, em 15 de Novembro de 1889 após o verdadeiro GOLPE Militar contra o Império e contra a vontade do povo ficou-se proibido se sequer falar sobre monarquia durante 20 anos por força de lei de forma ditatorial! E milhares de pessoas que defenderam a causa monárquica parlamentar constitucional foram mortos no início da República!

Diante da falta de liberdade da imprensa atual que nos bastidores é censurada e muita das vezes calada possívelmente com verba governamental só nos resta as alternativas independentes na internet! Então, lutar e resistir a isso é fundamental!

Evidente que precisamos nos defender de coisas assim e hoje temos ferramentas pra isso! Entretanto, antes se tudo tome muito CUIDADO com o que você instala no seu Celular e Computador nós aqui estamos testando diversas ferramentas e vamos divulgar as informações a todos através de nosso site. Muitos podem oferecer que você baixe aplicativos milagrosos para furar os bloqueios a sites, aplicativos e etc vamos explicar como isso funciona abaixo.

Entretanto, tenha em mente o seguinte: Não existe milagre! Os melhores serviços e de maior confiabilidade são pagos! Apps gratuitos ou serviços gratuitos que prometem milagres podem expor seus dados pessoais então fique ligado! Então, ao conectar-se a estes serviços evite acessar seu APP do banco, e-mail e outros serviços sensíveis. Sendo assim, por segurança se conecte somente para usar aquilo que foi bloqueado!

Muitos podem estar agora no desespero estar instalando aplicativos trial de 15 a 20 dias mas se o mesmo acontecer novamente como você vai se defender disto? Logo, é importante aprender o CONCEITO do que decorar formulas assim você pode no futuro procurar alternativas mesmo que fique sem comunicação com seus amigos, familiares ou militantes da sua causa!

 

Como isso funciona e como furar o bloqueio?

As operadoras de telecom até mesmo contra a sua vontade seja por medida judicial ou por força do governo em um ato de censura qualquer solicitam um bloqueio de determinados endereços ip (que são identificadores numéricos usados para cada computador conectado a internet ex: 200.222.18.40).

Este "bloqueio" é feito na operadora mapeando os endereços ip utilizados pelo serviço ou mesmo os seus endereços DNS (ips convertidos para nome) exemplo: bloquear qualquer site, página ou endereço que contenha a palavra whatsapp.

Para entender o conceito vamos representar toda a internet pelo circulo verde. Seu computador é conectado ao seu provedor de internet independente da tecnologia ADSL (GVT, TELEFONICA, VELOX), NET (CABLE) ou 3G/4G (Operadoras de Telefonia) criando um caminho representado pela seta laranja entre os seus dados que podem ser mensagens do whatsapp, e-mail para sua namorada, ou mesmo acesso a um site de pornografia. (Realmente não nos importamos com o que você acessa mais com a sua liberdade em acessar!).

O que as operadoras fazem é filtrar o seu tráfego de dados bloqueando qualquer coisa que foi solicitada ou mesmo eles podem efetuar bloqueios ou o que chamamos de traffic shaping (redução de velocidade) para determinados endereços de acordo com o endereço ip de destino ou endereço como youtube.com por exemplo.

VPN?

O que as VPN (Virtual Private Network) fazem? Criar uma REDE virtual sobre a rede física (aquela que você contratou da operadora para acessar a internet) e na maioria dos casos atua como um tunel criptografado (embaralhado) o qual as operadoras não conseguem enxergar o que você está fazendo e assim, a empresa que te oferece a VPN cria um túnel e todo o tráfico de dados vai parecer para o provedor que você está acessando a empresa que te oferece o serviço de VPN, mas, na verdade, esta empresa vai pegar todos os seus dados e reencaminhar para o whatsapp, zello, telegram, facebook ou qualquer coisa que você está tentando acessar.

Outra coisa interessante sobre este tipo de serviço é que caso você contrate ou use um serviço de VPN do exterior para o destino vai parecer que você é um usuário do país onde você está contratando o serviço pois seu endereço de ip será de lá. Isso poderia permitir por exemplo que você acesse o catálogo internacional do netflix que somado a um cartão de crédito internacional alimentado por bitcoin (moeda virtual) de daria total independência de qualquer bloqueio governamental imposto de forma retrógrada, burra e autoritária.

Finalizando

Evidente, que o governo em um ato de desespero pode solicitar as teles para bloquear todos os serviços tipo VPN (bloqueio de portas, bloqueio do endereço de empresas que prestam serviços de VPN, entre outros). Só que ao chegar nesse nível já se apresentaria o caos pois, diversas empresas de todos os portes usam os serviços de VPN de forma profissional para trabalho e transmissão de dados. Mas lembrem-se temos diversas alternativas e elas surgem mais rápido do que leis, medidas provisórias e canetadas podem reagir.

A única forma real de deter tudo isso seria bloquear a internet para acesso a outros países mas caso isso aconteça você já sabe com que país nós estaríamos parecendo certo? Antes disso eu acho que teria um “quebra pau” geral uma manifestação épica nas ruas movidas principalmente pelos mais novos que são tarados ao ponto de não ficar um dia sem internet! Logo, bloquear o Whatsapp, Zello, Facebook, Telegram e outros é pura e simples “enchugação” de gelo.

A dica final sobre isso é: “Diga-me com quem tu conectas que te direi quem és” então, cuidado ao escolher aonde vai se conectar a vpn que vai usar pois, as gratuitas seu tráfego pode ser monitorado e capturado por elas exatamente como os provedores fazem. Pode ser que algumas destas opções sejam armadilhas para capturar senhas e informações sensíveis de vocês!

Artigos Dicas:

Como se conectar a uma VPN PPTP com Android Nativo Sem Instalar Nada!

 

 

 

 

Trabalhos em Destaque

Contato

Interatia Sistemas de Informação

Telefone: +55 21 3258-2232

Email: comercial em interatia.com